FUNDAÇÃO MALCOLM LOWRY

FUNDAÇÃO MALCOLM LOWRY

Este blogue foi criado com o intuito de unir a comunidade lowryana de todo o mundo, a fim de trocar ideias e informação sobre o autor, promover a organização de conferências, colóquios e outras actividades relacionadas com a promoção da sua obra. Este é o primeiro sítio trilingue feito no México sobre o tema. Cuernavaca, México.


Malcolm Lowry Foundation


This blog was created to comunicate all lowry scholars, fans and enthusiastics from around the world in order to promote the interchange of materials and information about the writer as well as organize events such as lectures, colloquiums and other activities related to the work of the author. Cuernavaca, Mexico.


FONDATION MALCOLM LOWRY

Ce blog a été crée dans le but de rapprocher la communauté lowryenne du monde entier afin de pouvoir échanger des idées et des informations sur l'auteur ainsi que promouvoir et organiser des conférences, colloques et autres activités en relation avec son oeuvre. Cuernavaca, Morelos, Mexique.

sábado, 15 de noviembre de 2008

Cem anos de Lowry

Celebram-se este ano os cem anos do nascimento de Malcolm Lowry e várias actividades comemorativas terão lugar na British Columbia University, Vancouver, Canadá; em Liverpool, Inglaterra; na Cidade do México e em Cuernavaca, Morelos.
Durante a XXX Feira Internacional do Livro do Palacio de Minería, que se realizará de 18 de Fevereiro a 1 de Março de 2009, a Fundação Malcolm Lowry exibirá o documentário de Óscar Menéndez, Malcolm Lowry en México, estando igualmente programadas conferências em que participarão Óscar Menéndez, Alberto Rebollo e Félix García.
Para nós é importante recordar os cem anos de Lowry (nascido a 28 de Julho de 1909) porque é uma maneira de lhe manifestar o nosso agradecimento e a admiração pela sua vida e obra, que, de uma forma por vezes desconcertante, extravasa as suas próprias fronteiras e consegue uma identificação absoluta. A obra de Malcolm é parte da sua vida, não apenas porque tenha a criado, mas porque também a viveu por dentro, como mais uma personagem de Debaixo do Vulcão, antes e depois de escrito e publicado o romance. E de agradecimento, porque aos olhos de Malcolm México é um lugar diferente do que na verdade é. O México que Malcolm observa é, em muitos aspectos, outro México, é um lugar onde todos os terríveis acontecimentos que se verificam constituem parte de um plano: a ascensão "incessante, na direcção da luz", numa geografia sagrada e num tempo que não é o simples devir dos homens, mas o tempo do espírito em busca de si próprio.
Debaixo do Vulcão: a vida do Cônsul, morto a tiro numa taberna de Quauhnáhuac, a tragédia do amor insatisfeito, o uso do mescal como via que leva as almas a tomar consciência de si mesmas sob o peso da culpa, Ivonne à procura de si própria na pessoa do Cônsul, o delirius tremens, os insectos e os zopilotes, a meia-luz da Cabala, o comboio, o Dr. Vigil, o gato do senhor Quincey, a solidão, o Coelho Pedro [publicado em Portugal pela editora Civilização], ou seja, tudo, absolutamente tudo o que em princípio se havia perdido de vista emerge a partir da riqueza de um mundo que nos permite pensar em
"Homens que vivem o instante
da geração
abaixados, de pé, sentados, de cócoras, estendidos, alados,
milhões de triliões de biliões de homens
lamentando-se…
e esses prantos que são
não sei se as queixas dos moribundos
ou os gemidos do amor"
(excerto do poema "Está negro o vulcão", de ML)
Para nós é importante a comemoração do centenário de Malcolm Lowry por múltiplas razões, como referiremos na conferência da XXX Feira Internacional do Livro do Palacio de Minería. Assumimos algumas diferenças conceptuais relativamente a colegas de outras partes do mundo que se ocupam também com grande paixão da obra de Malcolm Lowry, pois sustentamos que em Debaixo do Vulcão se encontra a verdadeira relação de Lowry com o México. Isto explica-se por esta monumental obra estar entrecruzada por um grande jogo de espelhos, onde se encontra também esse grande espelho fumegante da cultura pré-hispânica nas suas raízes mais profundas, acessível apenas a um leitor familiarizado com a história mexicana e com a sua filosofia fatalista, difícil a um leitor de outro país, sobretudo de língua inglesa. Esta diferença é fundamental na concepção de Debaixo do Vulcão.
Celebramos também os eventos internacionais que, neste âmbito, se levarão a cabo em Inglaterra, Canadá, Estados Unidos, Portugal ou outros países. E também nós, Fundação Malcolm Lowry, o convidamos às celebrações que terão lugar no dia 28 de Julho de 2009 em Cuernavaca, Morelos, na Casona Spencer, símbolo e espaço da cultura em Morelos.

No hay comentarios.: